Curso Livre de Direito à Cidade

RL-curso-direito-a-cidade-2Segundo o pensador britânico, David Harvey, “o direito à cidade é muito mais que a liberdade individual de ter acesso aos recursos urbanos: é um direito de mudar a nós mesmos, mudando a cidade. Além disso, é um direito coletivo, e não individual, já que essa transformação depende do exercício de um poder coletivo para remodelar os processos de urbanização. A liberdade de fazer e refazer as nossas cidades, e a nós mesmos, é, a meu ver, um dos nossos direitos humanos mais preciosos e ao mesmo tempo mais negligenciados”.

Além dos tradicionais movimentos que lutam por moradia, que há décadas pautam o tema da reforma urbana, ou dos movimentos em defesa do transporte público de qualidade, que também ocupam a cena da cidade há pelo menos quatro décadas, temos nos dias atuais uma série de grupos, ações e iniciativas que buscam discutir a ocupação do espaço urbano.

Desde hortas comunitárias, passando por iniciativas de construção de mobiliário e ocupação de praças, passando por lutas por novos parques ou discutindo a mobilidade urbana, o fato é que nunca a cidade foi tão discutida como nos dias atuais. O direito à ocupação do espaço público e o questionamento à especulação imobiliária e às ações do capital na cidade nunca estiveram tão intensas como nos dias atuais.

É neste cenário que o Coletivo Arrua irá realizar o “Curso Livre de Direito à Cidade”. Como parte das atividades realizadas na #RooseveltLivre, o curso trará para a praça o acúmulo das discussões na universidade e a potência das lutas na rua.

Nesta primeira experiência, o curso terá quatro atividades: três aulas com professores com reconhecido acúmulo nos temas e um debate entre ativistas que atuam na causa. Todas as atividades são públicas, abertas e realizadas na praça. Confira a grade:

09/04 | Aula 1: Por que direito à cidade?

Proposta: Quais os conceitos por trás da ideia de direito à cidade?

Expositora: Profª Drª Karina Leitão (FAU/USP)

07/05 | Aula 2: Cidade mercadoria

Proposta: Compreensão produtiva do crescimento da cidade, da ocupação do espaço urbano (Marx). Compreensão dos agentes que atuam na produção do espaço urbano no capitalismo contemporâneo global, particularmente no capitalismo periférico. Quem são os agentes e quais são as suas dinâmicas específicas de acumulação de capital.

Expositor: Profº Drº João Sette Whitaker (FAU/USP)

11/06 | Aula 3: A construção da cidade de SP

Proposta: Como ocorreu o desenvolvimento histórico da cidade de São Paulo? Quais as marcas o capital tem deixado na cidade e como os movimentos tem resistido? Quais conflitos são históricos e presentes na construção da cidade.

Expositor: Profº Drº Caio Santo Amore de Carvalho

5 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s